Primeiros Passos

Lista de termos WordPress para consulta rápida

Um guia de consulta expressa de termos relacionados ao WordPress.
Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

Dias atrás, um leitor entrou em contato com uma dúvida justa:

“O que é esse template WordPress que falam?”

Apesar de ser termo comum pra quem lida com o tema, não é justo achar que todos sabem. Ou que tenham obrigação de saber. Anglicismos em geral deixam dúvida, e às vezes estragam o sentido de um artigo, como tutoriais. Problema é que estão difundidos de tal forma, que é difícil/impossível extingui-los. Sempre vamos topar por aí com templates, plugins, databases, widgets, queries, feeds

Para facilitar a vida de quem pesquisou e caiu aqui (tipo você), deixaremos uma lista de termos relacionados ao WordPress e seus significados. Pode ser uma tradução idiomática, ou uma explicação resumida.

Note que não são lições aprofundadas. É um tira-dúvida rápido, para consulta e resolução expressa. Para entender melhor conceitos, recomendamos o Codex do WordPress.

Se tiver dúvida sobre algum termo ausente, por favor comente e incluímos.

A – B – C – D – E – F – G – H – I – J – K – L – M – N – O – P – Q – R – S – T – U – V – W – X – Y – Z

A

B

C

D

Database – banco de dados, onde fica o “coração” do site, ou seja, toda a organização estrutural de dados, além do próprio conteúdo. Se o site tem acesso a textos, títulos, nomes de autores, categorias, endereços de mídia, etc, etc, é porque tudo foi guardado num banco de dados. Esse arquivo é em linguagem SQL, normalmente gerenciado por um software de bancos de dados, como o MySql (que fica no servidor de hospedagem do site), e manipulado/editado através do WordPress.

E

F

Feed – de Web Feed. Formato de fornecimento de conteúdo através de e-mail ou leitores de feed. Geralmente visitantes de um site assinam um feed para receber atualizações do conteúdo, avisos de novos comentários, etc.

G

H

Header – o cabeçalho, área geralmente superior do template, onde desenvolvedores costumam colocar informações como o título do site, às vezes menus, etc.

I

J

K

L

M

Multisite – sistema que permite gerenciar vários sites WordPress a partir de uma única administração. O gerente pode ter sites independentes ou subdomínios de um mesmo (ou vários) site.

N

Nulled – temas pirateados, ou seja, que foram comprados por alguém legalmente e redistribuídos. Costumam ter vírus embutidos (trojan, códigos maliciosos, etc), como quase todo software pirata.

O

P

Plugin – software que se conecta à instalação do WordPress e adiciona novas funções. Os usos são os mais variados imagináveis. Veja a lista de plugins aqui.

Q

Query – consulta. Quando alguém interage com um site em WordPress, como ao clicar um link, o WordPress realiza uma consulta ao banco de dados para responder àquela ação. A resposta pode ser uma nova página, a exibição de uma imagem, etc. Cada comando é um query. Visão geral de Query no WordPress (em inglês).

R

REST API – uma API adicionada ao WordPress a partir da versão 4.7, que permitiu novas formas de acessar e receber dados através do formato JSON, linguagem para troca de informações entre sistemas baseada em objetos, como no Javascript. Com essa interface, o desenvolvedor em WordPress consegue se comunicar com virtualmente qualquer sistema, como plugins de terceiros, APIs de redes sociais, etc, etc. São quase infinitas possibilidades.

S

Sidebar – a área lateral de um template, ocasionalmente flutuam ao lado do conteúdo do corpo principal do template. Na sidebar podemos inserir conteúdo diverso, como texto, vídeos, botões sociais, etc.

T

Taxonomia – mecanismo para agrupar artigos sob um tema, no formato de palavra-chave. Por exemplo, se você tem vários artigos sobre “televisão”, eles podem ter a categoria “TV”. Além da categorias, outras taxonomias são as tags, e os formatos de post.

Template – tema, o pacote que dá visual e funcionalidade ao motor do WordPress.

U

V

W

Widget – área que serve para adicionar conteúdo a áreas específicas do template, como a sidebar, o footer ou o header. Com um widget, o usuário tem fácil acesso à essas áreas, incluindo códigos prontos fornecidos por desenvolvedores de plugins e templates.

X

Y

Z

 

 

 

 

 

[conteúdo em desenvolvimento]

Anúncios Google

Fundador do Tutoriart em 2010, é ex-instrutor de Photoshop, design web e gráfico. Em quase uma década de redação online, tem cerca de 1500 artigos publicados. Gerencia também o Memória BIT.

Deixe um Comentário

Pin