Ferramentas Produtividade

Introdução ao uso do Google Analytics

Ferramenta de análise do Google é fundamental para administração de sites e blogs.
Anúncios Google

Algumas ferramentas são tão úteis que se tornam quase padrão. Uma delas, para quem tem e/ou administra sites, é fornecida pelo onipresente Google. É o Analytics, um sistema de gerenciamento de dados como fluxo de visitantes, otimização e tráfego de forma geral.

Estatísticas apontam que cerca de metade dos blogs mais populares do mundo (segundo o Alexa) usam o Analytics. O sistema é capaz de rastrear qualquer tipo de acesso ao seu domínio, oferecendo gráficos, dados e estimativas. Bem usadas, ajudam o administrador a saber qual exatamente o impacto de seus conteúdos na rede.

Leia também
Leia também → Boas ferramentas e dados do Google Analytics

Usar o Analytics é grátis e muito fácil. Veja como criar sua conta, instalar o código de rastreamento no seu site e começar a analisar os dados obtidos.

Atualização 2018: esse artigo é bem antigo, mas apesar das mudanças visuais e inserção de novos recursos, o Analytics continua ótimo. O passo a passo daqui segue válido, mas se tiver dúvida, deixe nos comentários.

Abrindo a conta

Basta ter uma conta no Google. É só fazer login e visitar a página do Analytics.

Login no Analytics

Em seguida, clique em Sign Up, e digite as informações pedidas.

Preenchendo as informações no cadastro do Analytics

Mais abaixo na página, leia os termos de uso e confirme marcando a caixa “Yes, I agree to the above terms and conditions” (Sim, eu concordo com os termos e condições acima). Clique em Create Account.

Parabéns, a conta está criada, vamos agora para a parte “difícil”: rastreamento do seu site.

Dica: para deixar tudo em português, clique no alto da tela, canto direito, em Settings; então na caixa Language, coloque em português e clique em Save User Settings.

Na página inicial, você terá apenas a conta que acabou de configurar, clique nela.

Conta disponível no Analytics

Você verá que todas as estatísticas estão em zero — claro, você acabou de criar a conta, e ainda precisa adicionar um código de rastreamento ao seu site. Com o código ativo, sempre que alguém visitá-lo, o Analytics recebe a informação e a processa pra você.

Vamos então pegar o código, clicando na guia Administrador, no alto da tela. Lá, clique em Código de acompanhamento.

Link para o código de acompanhamento

Procure pela caixa “Cole este código em seu site“. Copie o código.

Código de acompanhamento, copie-o

Siga ao seu site. Será preciso editar um de seus arquivos principais, aquele que contém a tag de fechamento </head>. Geralmente ele fica no arquivo header.php.

No painel de controle do WordPress, siga pela opção Aparência > Editor.

Editor de arquivos do WordPress

No canto direito, em Modelos, clique em Cabeçalho para abrir o arquivo header.php em modo de edição. Procure na caixa de texto pela tag </head>.

Tag de fechamento head no arquivo header.php

Antes dela (se quiser quebre uma linha) cole o código que copiou do Analytics.

Código de rastreamento colado antes do fechamento da head

Clique no botão Atualizar arquivo.

Botão Atualizar arquivo do editor do WordPress

Volte àquela página do Analytics, clique em Salvar, então atualize a página. Se estiver tudo certo, aparecerá a confirmação da instalação. Se não aparecer de cara, não se desespere e tente alguns minutos depois (uns dez minutos).

Código de acompanhamento instalado e confirmado

Nos próximos dias você já terá alguns dados pra examinar, basta acessar sua conta e conferir os relatórios.

Informações básicas do Analytics

É difícil (e neste momento inútil) passar a limpo tudo que o Analytics oferece de informação. Então para começar, vejamos as básicas.

Em Visão Geral, temos a síntese de tudo que aconteceu com o site em termos de visita. No painel central, os dados mais interessantes, incluindo total de visitas, visitantes únicos (não conta mais de uma visita de um mesmo visitante no período), visualizações de página, média taxa de rejeição e muito mais.

Visão geral dos acessos segundo o Analytics

Você pode alterar o período dos dados na caixa superior direita.

Alterando o período dos relatórios no Analytics

No menu à esquerda da tela estão inúmeras opções. Sugiro que use o velho método de aprendizado: fuçar. É a melhor maneira de se aprofundar e pegar prática; basta ler pois muita coisa é auto-explicativa e a maioria em português.

Você pode acompanhar informações demográficas, comportamento do visitante (tempo de permanência, taxa de retorno ou primeira visita), informações sobre suas máquinas (sistema operacional, resolução de tela, modo de cores, redes)… É muita coisa.

Uma das importantes informações está na guia Fontes de Tráfego > Origens, onde você sabe de onde estão chegando seus leitores: que palavras-chave usaram para pesquisar ao encontrar seu site, se vieram direto de outro site, das redes sociais… Com esse tipo de informação, você tem controle total sobre o que precisa fazer para melhorar o rendimento de seu projeto. Tem pouco tráfego orgânico? Trabalhe mais no SEO e qualidade dos artigos. As palavras-chave não estão batendo com o que o leitor procurava? Melhore-as.

Essa foi uma introdução a essa excelente ferramenta, que dominada, torna-se aliada fundamental no desenvolvimento de nossos projetos. Se ainda não a usa, comece hoje mesmo. Leia mais sobre o Analytics em sua página de introdução.

Author

Fundador do Tutoriart em 2010, é ex-instrutor de Photoshop, design web e gráfico. Em quase uma década de redação online, tem cerca de 1500 artigos publicados. Gerencia também o Memória BIT.

Write A Comment

Pin