Redes Sociais

Facebook quer acabar com a estratégia do clickbait

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr
Anúncios Google

Cansado de procurar coisas bacanas pra ler no Facebook e encontrar um monte de posts que não mostram quase nada? Aquela coisa na linha “Veja o que esse cara fez, clique no link para conferir“? Pois o Facebook também não está curtindo esse tipo de publicação.

De acordo com o resultado de suas últimas pesquisas de opinião, a equipe do Zuckerberg determinou que é hora de acabar com isso. A técnica de atrair cliques é chamada de “clickbait” (literalmente, isca de cliques), e como anunciado pela rede, tais posts devem perder visibilidade nos feeds a partir de já.

Em vez de ver publicações que receberam muitos cliques no topo do feed, é provável que você encontre aqueles em que usuários ocasionalmente tenham clicado menos, mas passado mais tempo vendo.

Clickbait

Muitas pages tem usado a técnica para conseguir visitantes através do Facebook: postam uma foto sugestiva, um título que varia do sensacionalista ao bizarro, e/ou uma chamada para clicar no link e ver o resto. Às vezes é impossível ter ideia do conteúdo, sendo movido o usuário só pela curiosidade.

clickbait Facebook

A partir de agora esse tipo de post não vai simplesmente ganhar destaque, mesmo sendo popular; será preciso manter o visitante para mostrar sua provável riqueza de conteúdo. Se o mecanismo da rede social detectar que o post recebeu muitos cliques, mas o usuário voltou rapidamente ao feed, aquele será potencialmente clickbait, perdendo importância.

Segundo resultado de enquete feita pelo Facebook, até 80% dos usuários preferem manchetes que os ajudem a saber mais sobre o conteúdo antes de clicar para ler o post completo. Meio óbvio.

Outro fator que os ajudará a definir relevância é a taxa de participação dos usuários (comentários, compartilhamentos) em relação aos cliques. Se muitas pessoas clicaram no link mas poucas interagiram de outras formas, como curtindo ou comentando ao voltar ao Facebook, significa que o post pode ser pouco interessante / clickbait.

Mudança nos links. Outra mudança anunciada é em relação aos links: os que forem publicados como texto adicional num post de imagem perderão destaque, enquanto os postados diretamente no status (ganhando o snippet de descrição, aquela imagem e amostra do conteúdo automáticos), ganham.

tipos de post facebook
Comece a publicar cada coisa no seu lugar, ou vai perder espaço no Facebook

O melhor jeito de compartilhar um link após essas mudanças será usar o formato de link. Em nossos estudos, esses posts receberam até mais que o dobro de cliques em comparação com links embutidos em legendas de fotos. De forma geral, recomendados que você use o tipo de estória que mais se adapte a mensagem que quer passar – seja ela um status, foto, link ou vídeo” – explica o post do Facebook, assinado por Khalid El-Arini.

Vai ter chiadeira

Há algum tempo que o Facebook tem apertado o cerco contra táticas para conseguir mais visibilidade com as pages. Com a nova medida, fica ainda mais difícil atrair visitas sem gerar conteúdo diretamente no Facebook – a rede em si não produz nada, só exibe conteúdo das páginas, e muitos leitores simplesmente obtêm a informação que querem e não convertem-se em visita ao site original.

Se você é gerador de conteúdo, melhor começar a mudar de táticas e render-se até aos posts patrocinados. Se for consumidor, provavelmente não tem com que se preocupar: seu feed deve estar mais interessante.

Anúncios Google

Fundador do Tutoriart em 2010, é ex-instrutor de Photoshop, design web e gráfico. Em quase uma década de redação online, tem cerca de 1500 artigos publicados. Gerencia também o Memória BIT.

Deixe um Comentário

Pin