Dicas

Efeito de texto 3D no Photoshop: veja como criar

Anúncios Google

As ferramentas 3D do Photoshop são um verdadeiro pesadelo pra alguns usuários, especialmente os que nunca usaram 😛 Se você tentar, verá que não tem nada de tão assustador nelas, e com um dia de prática já vai conhecer as bases e entender ao menos pra que servem. Claro que não dá pra sair criando super composições, mas captar o basicão, pelo menos, é possível.

Pra tentar ajudar quem ainda não se aventurou, vou mostrar aqui alguns passos elementares com um efeito de texto 3D no Photoshop.  Se acompanhar, ao final você terá aprendido a alterar os ângulos de câmera, girar e redimensionar, criar objetos tridimensionais a partir de planos e como renderizar (o chamado acabamento do objeto 3D em uma imagem finalizada).

Esses recursos só tem melhorado, e hoje podemos fazer coisas bem interessantes sem precisar de outro software. Então, trate de deixar a preguiça de lado e começar logo.

Crie um novo documento…

…do Photoshop, tamanho 1280 x 1024 (foi o que usei, se preferir maior ou menor, fica por sua conta). O fundo pode ser branco, mas depois coloque ali um degradê ou algo neutro pra ajudar.

Digite com a ferramenta Texto o que vai transformar em texto 3D. A fonte fica também ao seu critério, mas geralmente as mais encorpadas dão melhor resultado.

texto digitado

Siga ao menu “3D > nova Extrusão 3D da camada selecionada”. O texto será convertido em objeto 3D. É onde começa a brincadeira.

Nota: quando surgir a janela perguntando se quer mudar para a área de trabalho 3D, confirme, assim as ferramentas 3D aparecem. Se preferir isso mais tarde, use o menu Janela > Área de trabalho > 3D.

camada de extrusão

Clique e arraste sobre o papel e verá a mudança no ângulo da câmera, pois ela é a ferramenta padrão. A janelinha no canto superior esquerdo mostra vários ângulos fixos – se quiser, pode escolher outros clicando no ícone da câmera.

objeto com camera alterada

Dica: se ficar perdido no movimento, use o campo “Visualizar” na caixa de Propriedades, colocando em Câmera Padrão. Tudo volta pro lugar!

Quando definir a câmera ideal, pode começar a alterar o objeto. Dê um clique sobre ele e vai surgir um monte de setas e símbolos: é o eixo 3D, que serve para aumentar ou diminuir a extrusão, girar, elevar ou abaixar em relação ao “solo”, etc.

eixo 3d

Para entender, é preciso notar os eixos de edição:

Eixo X: movimento na largura, ou horizontal.
Eixo Y: movimento na altura, ou vertical.
Eixo Z: movimento na profundidade (afasta ou aproxima).

A bola azul no meio da imagem acima (na verdade, é a ponta de uma seta vista de frente)  serve para mover no eixo Z. Clique e arraste sobre ela e verá que o objeto se afasta ou aproxima da câmera.

Um pouco acima dele, há um tipo de alça – passando o mouse, surge o aviso de giro. Experimente: o objeto gira no eixo Z.

girar no eixo z

Veja o objeto antes e depois. Na segunda imagem abaixo, arrastei o ponto “Mover” do eixo Z para cima (afastou o objeto).

objeto no eixo z normal
Clique no ponto e arraste…
eixo z alterado
…para afastar ou aproximar o objeto.

Um pouco abaixo da ponta da seta tem outra alça (vermelha), que serve para girar em torno do eixo X. Clique e arraste um pouco, note que o objeto vai girar para frente ou para trás.

girar no eixo x

Se clicar e arrastar sobre o quadrado no meio, vai dimensionar uniformemente o objeto.

dimensionamento uniforme

Os mesmos pontos na extensão verde da guia servem para dimensionar ao longo do eixo Y (achatar ou alongar o objeto na altura), girar no eixo Z (de lado), e mover no eixo Y (objeto sobe ou desce).

Faça testes com os eixos vermelhos. Conhecendo o efeito de cada um, posicione seu texto do jeito que quiser. Mais perto do chão? Com leve inclinação, ou quem sabe girando no ar?

Textura, extrusão, luz

Abra a paleta 3D (fica perto das Camadas). Estão ali todas as partes que compõe o texto 3D, como material, extrusão, iluminação, etc.

Vamos aplicar uma textura em todo o material. Selecione todas as partes do objeto, como se selecionasse camadas, assim:

partes do objeto

Lá em cima, na paleta de Propriedades, na caixa de Materiais, escolha “Metal Aço”. Ela é aplicada ao objeto.

material aço aplicado

Clicando no objeto, aparecem ferramentas na guia de Propriedades. Vamos usar a Cap para criar um efeito de chanfro.

efeito 3d cap

O tipo de hub que aparece sobre o objeto serve para vários controles. Passe o mouse sobre cada seta para ver. A do canto superior altera o ângulo do chanfro, encontre-o e arraste, deixando uma borda mais iluminada.

cap chanfro

Clique de novo no primeiro botão das propriedades, Malha. No controle deslizante, ajuste a profundidade da extrusão.

profundidade da extrusão

Outra vez na paleta 3D, clique no último botão, “Fitrar por: Luzes”. Você pode adicionar mais pontos de iluminação, seja ela direta (Spot), em todo o ambiente (infinita) ou pontual. Faça o teste adicionando mais um foco de luz infinita. Arraste seu controle para dar uma leve iluminação no alto da extrusão.

segundo ponto de luz infinita

Como não quero sombra projetada, cliquei sobre o objeto e nas propriedades, desmarcando a caixa Projetar Sombras.

projetar sombras

Vamos renderizar agora (fazer o acabamento). Use o atalho Ctrl + Alt + Shift + R, ou use o menu 3D > Acabamento. Dependendo da complexidade do objeto, pode levar vários minutos. Nesse exemplo aí, usando um Core2Duo com 4GB de RAM e placa de vídeo 512MB GDDR5, a previsão era de 9 minutos, mas demorou bem mais. Nem quero imaginar quanto demoraria num trabalho muito elaborado 😯

O acabamento é o que vai transformar o objeto 3D numa imagem finalizada e suave, sem as arestas sólidas e mal acabadas que temos durante a edição. Veja como ficou (clique para ampliar):

3d modelo 1

Nota: se depois de “acabado” você voltar a editar o objeto, perderá a definição, aí tem que fazer o acabamento outra vez antes de salvar em outro formato como JPG ou PNG. Se quiser manter o resultado anterior, crie uma camada por cópia de tudo e preserve.

Outro exemplo

Girei o ângulo da câmera para o alto, religuei as sombras e girei o texto até ele ficar “encostado” no chão. Como?

Primeiro, naquela janelinha da câmera, clique no ícone da câmera e selecione “Superior”, então clique no ícone do cantinho, “Trocar exibição principal e secundária”, assim o objeto no papel passa a ter a visão da janela (no caso, superior). Aí é só girar o objeto como fez antes (usando os pontos do eixo 3D).

Para remover luzes, é igual uma camada: na paleta 3D, clique no botão “Filtrar por: Luzes”, e exclua aquela luz que criou, deixando a original (clique com o botão direito sobre ela e depois em Excluir Objeto).

Para facilitar o posicionamento do texto, use a caixa de propriedades. Clique no botão Coordenadas (com o objeto selecionado), e coloque eixo X em 90°, eixo Y em -4° (ou quanto precisar para deixar o texto perfeitamente alinhado) e o Z em zero – teste outros.

Para tirar toda a altura do texto em relação à base, clique no botão “Mover para o chão”.

novos ajustes do objeto 3d

Para centralizar perfeitamente o texto, clique no botão Redefinir da primeira coluna.

redefinir posição

Para testar as predefinições de iluminação, clique sobre o ponto de luz (um ícone parecido como sol), então nas propriedades; teste cada tipo.

predefinições de iluminação

Depois coloquei uma luz pontual (na paleta 3D, filtre por luzes, clique no botão adicionar luz): ela não cai sobre o objeto todo como as luzes infinitas, mas emanam de um ponto. São ótimas para criar reflexos. Ajuste suas propriedades, e use os pontos para arrastá-la até o pingo do I. Se marcar a caixa Sombra, ela também projeta sombra e não só ilumina. Nem sempre esse efeito será agradável.

segundo ponto de luz - pontual

Depois uma simples modificação na câmera (lembra como? Clique fora do objeto e altere o ângulo arratando o mouse, ou use as propriedades da câmera). Reposicione a luz infinita 1 para um dos lados, jogando a sombra projetada para o outro, e deixe a outra (luz infinita 2) ligeiramente por cima. Dê o acabamento de novo.

3d-final 2

É um exemplo simples, destinado a mostrar onde estão as ferramentas. O melhor jeito de conhecê-las bem é praticando, então digite um texto e vá experimentando vários tipos de iluminação, como ficam com ou sem texto, etc. Depois, sabendo mais ou menos como funcionam, procure tutoriais com resultados mais bem acabados.

Com paciência e técnica, alterando texturas e cores, e entendo como a luz funciona (noções de sombra e iluminação ajudam demais) dá pra conseguir peças muito bonitas muito além de texto 3D. Pratique!

Saiba mais sobre as ferramentas 3D a partir do Photoshop CC.

PS: Se não conseguiu criar o texto e quiser estudar o arquivo usado neste tutorial, pode baixá-lo aqui (8 MB).

PS2: lembre-se que os recursos 3D do Photoshop são só para versões CC, e anteriores em pacotes Extended.

Author

Fundador do Tutoriart em 2010, é ex-instrutor de Photoshop, design web e gráfico. Em quase uma década de redação online, tem cerca de 1500 artigos publicados. Gerencia também o Memória BIT.

4 Comments

  1. Amigo boa noite,

    Estou tentando seguir este tutorial abaixo, tudo sai conforme o video abaixo com execeção a RENDERIZAÇÃO, a hora que vou aplicar o render, o quadrado que vai dando realce ao efeito é pequeno ( não como o video que é grande ) e ele não consegue aplicar a sombra dourada como cor do background, a mesma fica focada somente no centro proximo as letras.
    O video tem 8 minutos,
    How to Make 3D Text – Photoshop CC Tutorial
    https://www.youtube.com/watch?v=Q3bEF0PHR00

    poderia me ajudar enviar alguma dica via e-mail amigo por favor ?

    • Eduardo Ribeiro Reply

      Vc tem que ter uma placa gráfica com CUDA como uma Boa GForce

  2. Daniel, sabe como usar a linha do tempo com a caada 3D (exportar para vídeo uma transformação de texto em 3D).

    Valeu.

    • Oi Elton, nunca usei pra nada “sério”, mas tendo noção básica de timeline é fácil usar. Depois de feitas as edições na linha do tempo, é só clicar em Render Video (botão logo abaixo da linha do tempo) e ajustar as configurações da exportação.

      render video photoshop

Write A Comment

Pin