Diversos

Como corrigir tags de mp3 no Windows

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr
Anúncios Google

Cena comum na vida de quem tem ou teve aquela famosa e popular pasta de músicas no computador: transfere as faixas para ouvir no smartphone, e quando quer saber algum detalhe do que está tocando, não consegue porque o arquivo não tem informações. Chato, hein?

Outra: você não gosta de ouvir música se não estiver enviando dados para o Last.FM (sinal do vício: tem aquela sensação de perda quando não está conectado ao serviço), mas ao visitar seu perfil, descobre um monte de execuções desconhecidas, ou pior: nada das horas que ouviu foram registradas – de novo, pode ser culpa das tags erradas ou inexistentes.

O problema é que quase ninguém tem paciência de corrigir essas faixas. Dá um trabalho monstro editar tudo manualmente, e a função autotag do Winamp é lenta. Se tiver alguns GB de música, melhor deixar tudo como está, certo?

Mp3tag logoSó se você quiser, porque tem ferramentas muito boas disponíveis pra resolver. Uma delas é o Mp3tag, programa completo para edição de metadados das suas músicas. Com ele você consegue encontrar tags perdidas, remover comentários (ou colocar) de várias faixas de uma vez, etc. O processo é rápido e fácil.

Ele também pode renomear os arquivos, substituir caracteres em palavras nas tags e nomes de arquivo, importar e exportar tags, criar playlists e muito mais. As informações são obtidas a partir de bancos de dados do Amazon, Discogs ou FreeDB, garantindo que enfim sua biblioteca tenha todos os dados certos – chega de fazer scrobbles errados =D

Visão geral

O Mp3tag aceita vários formatos de arquivo de áudio, fazendo a correção das informações embutidas em cada um, as chamadas tags, ou metadados. Os dados são usados no seu MP3 player (seja ele qual for, já que a maioria tem um display), para mostrar o artista em execução; ao fazer o envio dos dados para bancos de gosto musical, entre outras utilidades.

O programa tenta identificar as faixas que você escolheu e chama dados corretos de grandes bancos de dados gratuitos, como o FreeDB, MusicBrainz, Discogs e Amazon. Ou seja: é quase impossível que ele não consiga achar alguma informação, a não ser daqueles discos muito, MUITO obscuros.

As principais informações que ele pode corrigir:

  • Título da faixa
  • Nome do arquivo
  • Artista
  • Ano
  • Número da faixa no álbum original
  • Gênero
  • Comentários
  • Capas de discos

Além disso, tem funções como trocar tags por nome de arquivo (e vice-versa), converter o nome do arquivo em informações da faixa (tipo nome da faixa e do artista), exportação de dados, etc.

Instalação

Baixe o Mp3Tag no site oficial. Faça a instalação normalmente, e inicie o programa. Essa é a aparência:

mp3tag janela

Parece complicado? Nem é. Vamos dar uma olhada nas funções mais comuns, e no final você vai conseguir corrigir as tags de toneladas de música que tem aí.

Pesquisando dados

A melhor opção quase sempre será pesquisar nos bancos de dados. Comece arrastando e soltando as faixas ou a pasta toda com músicas.

tag de música faltando

Veja que faltam as informações dos campo Artista, Ano e Gênero. São dados que todas as faixas têm em comum, já que são do mesmo álbum; use o atalho Ctrl + A para selecionar todas as faixas, então siga ao menu Fontes > freedb… Quando surgir a janela sugerindo pesquisar a partir das faixas selecionadas, confirme.

confirmacao mp3tag

Se ele não achar nada (caso do álbum que testei aqui, o Vitalogy, do Pearl Jam), vai avisar que não identificou o disco.

info nao encontrada

Isso era esperado, pois minhas faixas têm pouca informação. Caso aconteça, você tem duas opções: procurar o ID do álbum na internet (através do próprio Mp3tag), ou procurar as informações em outro serviço. Vejamos ambos:

Procurar o ID: naquela janela de escolha do freedb, escolha “determinar através de pesquisa na web” em vez de “…arquivos selecionados“, como fez antes. Com aquilo que o programa tem disponível – nome do álbum e da faixa – ele fará a pesquisa.

Pesquisa freedb na web
Os termos que tenho são o nome do disco e título da música, então marquei as caixas correspondentes a tais dados.

Escolha o resultado mais parecido com seu disco. A lista foi grande…

resultado de pesquisa freedb

Compare a lista de dados encontrados com as faixas do seu disco. Note que as músicas não estão na mesma ordem no banco de dados e na minha pasta. Se acontecer, clique em cada música na lista da direita (que são as informações coletadas pelo programa na internet), e vá clicando no botão “Para baixo”, até que ela fique lado a lado com a música certa.

Trabalhoso? Um pouco, mas não vai acontecer sempre, o mais provável é que você consiga os dados certos logo de cara. Mas é bom saber como funciona para casos eventuais.

lista de dados mp3tag
“Aye Davanita” é a faixa 1, mas nos meus arquivos, aparecia como primeira, então preciso selecionar a faixa e clicar no botão PARA BAIXO até emparelhá-la com meu arquivo 12.

Outro jeito mais fácil ainda? A segunda lista está organizada em ordem alfabética, então faça o mesmo com a primeira: clique  no rótulo “title” e elas ficarão na mesma ordem da direita. O método anterior? Serve quando você notar que só uma faixa está logo acima ou abaixo do lugar certo.

faixas em ordem alfabética

Quando todas estiverem com seu par certo, confirme; aguarde o processo. Quando vir isso, está pronto.

confirmacao de tags salvas

Nota: se seus arquivos estiverem marcados pelo sistema como somente leitura, o programa pedirá antes autorização para escrever neles (gravar as tags), é só confirmar.

Legal, agora tenho quase todas as tags, suficiente pra identificar a faixa em qualquer player de mp3 e fazer scrobble correto.

música com tags certas

E a capa?

Exigente você, hein? Sim, minhas faixas ficaram sem capa, então vamos arrumar isso. Selecione as faixas, siga ao menu Fontes > Cover Art > Amazon.com.

pesquisa de capas amazon

O programa confirmará o nome do álbum (pois já tem essa informação), clique em Avançar. Escolha o álbum certo na lista que virá, caso sejam encontradas opções. Cuidado, pois podem vir alguns parecidos, como edições especiais, etc. Escolha observando a data de lançamento, nome, número de faixas, etc.

Na primeira coluna, o tamanho da imagem, em “Cover“; a coluna “Date” vai te ajudar a saber se é o álbum certo – além do nome, claro.

resultado da busca por capas

Avance e veja se é mesmo a capa que você queria. Se for, confirme e aguarde o processo. Fim.

capa do disco localizada

Sem informações?

Se suas faixas não tem informação NENHUMA, pode ser complicado encontrar alguma coisa. Uma possibilidade é fornecer o básico dos dados manualmente. Por exemplo, tenho aqui as faixas do disco do Roberto Carlos de 1975, sem nenhuma tag.

Comece como antes, mas pedindo para fazer a pesquisa na web sobre as faixas. Dê algo relevante no campo Texto, tipo o nome do artista, do álbum, etc – o que você souber, marcando as caixas antes de clicar em Avançar.

pesquisa por dados mp3

Agora já tenho o álbum identificado.

resultado da busca por album

O resto você já viu: organize as faixas encontradas lado a lado com seus arquivos e aplique as tags.

Outros bancos

O processo é parecido. Para procurar no MusicBrainz, por exemplo, selecione todas as faixas, clique no botão de seleção do banco de dados na barra de ferramentas (veja abaixo) e escolha.

pesquisa no musicbrainz

Como o disco que escolhi é outro sem informação nenhuma, o programa vai pedir algo. Dê ao menos o nome do álbum, se você souber.

janela de dados do album

Procure na lista de resultados o disco certo. Clique sobre ele e confirme em Avançar.

Dica: se o disco que procura aparecer várias vezes, é porque são entradas diferentes relativas à gravadoras, lançamentos continentais, etc. Alguns têm mais dados que outros, como capas. O único jeito de saber é testando – clique em Avançar em um, veja o que ele oferece, e se não gostar, clique em Voltar e teste outro.

resultados da pesquisa musicbrainz

Como antes, veja se as listas estão na mesma ordem (se não,  ordene-as pela Duração ou Título), então corrija eventuais erros e clique em OK.

dados obtidos para o disco

confirmacao de dados obtidos
Janela confirma dados obtidos e gravados nas faixas. Nesse caso, veja que veio a capa junto, nem precisei procurar à parte.

Edição manual

Se você precisa mudar só um dado que é igual em muitas faixas (como o nome do artista ou do álbum), não precisa nem da pesquisa online, pode digitar a informação e aplicar automaticamente às faixas.

Exemplo: um disco do Kid Abelha aqui foi marcado como “Kid Abelha & os Abóboras Selvagens”, mas eu quero “Kid Abelha e os Abóboras Selvagens”. Esse dado “errado” (parece que o nome certo é com o E, e não e &) está repetido em todas as faixas, em dois campos: Artista e Artista do Álbum.

tags erradas no mp3

Selecionei todas as faixas (Ctrl + A), e no menu do lado esquerdo, alterei os campos como precisava. Clique no ícone do disquete para salvar as alterações em todas de uma vez.

campos do mp3tag

Se tudo deu certo, virá a janela de confirmação. Suas alterações foram aplicadas.

confirmacao de tags salvas

Converter nome do arquivo em tags

Mas digamos que seu problema é maior ainda: um disco totalmente bizarro, e não encontrou informações em banco nenhum. Se seus arquivos estão nomeados com dados relevantes, você pode usar o Mp3tag para converter partes desses nomes do arquivo em tags. É só definir o formato em uma faixa e o programa faz o resto (desde que todas tenham o mesmo formato).

Vamos ao exemplo: peguei aqui um disco da banda Velocity Girl. Nunca ouviu falar? Pois é, o FreeDB também não me deu nada compatível. Como os arquivos tinham alguma informação, era possível usar.

Os arquivos estavam em FLAC. Veja como ficaram após abertos no Mp3tag:

informacoes da faixa mp3tag

Quase nada, só os nomes dos arquivos.

Vamos testar com uma faixa só: clique sobre ela, e depois no botão direito do mouse, e siga pelo menu Converter > Nome do arquivo – tag.

converter nome em tag

Será aberta a janela com o formato para a conversão. O funcionamento é simples: um texto de substituição (placeholder) “capta” seu equivalente no nome do arquivo, desde que você combine esses placeholders de forma adequada, respeitando a forma como os arquivos estão nomeados.

Não entendeu nada? Veja só: esse é um formato de placeholder, que foi oferecido logo de cara pelo programa:

%artist% - %album% - %track% - %title%

formato da conversao tags

Ele não é apropriado para meu caso, pois a conversão oferecida pegaria artista, nome do álbum, número da faixa e nome da faixa. Ou seja, os meus arquivos teriam que ter nomes com essas informações, mesmo formato, incluindo hífens e espaços, algo como:

Velocity Girl - Velocity Girl - 01 - Gilded Stars.flac

Mas o que tenho é:

01 Gilded Stars - Velocity Girl.flac

Assim, tenho que alterar a “fórmula”  na janela do Mp3tag. É fácil, notando que:

  • %artist% – capta a tag para o campo Artista
  • %album% – capta a tag para o campo Álbum
  • %track% – capta a tag para o campo Número da Faixa
  • %title% – capta a tag para o campo Nome da Faixa

A única informação importante que não tenho nos nomes dos arquivos é o nome do álbum. Escrevi então o seguinte formato:

%track% %title% - %artist%

Agora o formato bate exatamente com meus nomes de arquivo. Se o modelo que você escrever for aceito, aparecerá um preview logo abaixo da caixa.

formato certo das tags

Se o programa encaixou os dados nos lugares certos, confirme clicando em OK. Com isso suas faixas terão alguma informação, e se quiser, pode tentar de novo a busca online.

Anúncios Google

Fundador do Tutoriart em 2010, é ex-instrutor de Photoshop, design web e gráfico. Em quase uma década de redação online, tem cerca de 1500 artigos publicados. Gerencia também o Memória BIT.

1 Comment

  1. Jaerton Júnior Reply

    Parabéns, gostei do tutorial, já me iniciou na questão das buscas e organizações de tags! Bem escrito, didático [exemplos o/], deu pra sentir que existia vontade de ensinar! Faça mais! 😀

Write A Comment

Pin